[{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":1,"projeto_nome":"Amplia Saúde","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 26,2 milhões","custeio":"R$ 324,1 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 52,5 milhões"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 14,36 milhões","custeio":"R$ 0,13 milhões","total":"R$ 14,49 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,39 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,39 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 14,75 milhões","custeio":"R$ 0,13 milhões","total":"R$ 14,88 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"Em 2018, no âmbito do Projeto Amplia Saúde, foram gastos recursos para a implantação de 150 novas equipes de Estratégia de Saúde da Familia (ESF), de novas equipes de Núcleos de Apoio à Estratégia da Família - NASF e de equipes de Saúde Bucal, além disso ocorreu a capacitação de profissionais da Atenção Básica com os seguintes temas: Projeto da Violência Doméstica com a Estratégia Saúde da Família, Arboviroses e Outubro Rosa. Houve ainda despesas voltadas para a inauguração de 12 novas UBS - Unidades Básicas de Saúde e para outras 4 UBS que passaram a funcionar em novas instalações.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":2,"projeto_nome":"Viver Mais e Melhor","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 25,7 milhões","custeio":"R$ 122,2 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 1,08 milhões"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,07 milhões","custeio":"R$ 0,11 milhões","total":"R$ 0,18 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,05 milhões","custeio":"R$ 0,17 milhões","total":"R$ 0,22 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,12 milhões","custeio":"R$ 0,28 milhões","total":"R$ 0,41 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"Em 2018, no âmbito do Projeto Viver Mais e Melhor, foram gastos recursos de custeio para a capacitação de profissionais, com foco na prevenção de DCNTs. Nesta linha de ação teve especial relevância a Escola Municipal de Saúde, que viabilizou as capacitações na Rede. Também foram aplicados recursos para ampliação do fornecimento de Órteses, Próteses e Meios auxiliares de locomoção - OPMs nos serviços de reabilitação. Os valores com aquisição de OPMs em 2018 foram revisados de modo a englobar, diferentemente de 2017, apenas as despesas relacionadas aos serviços de reabilitação, o que aparenta ser uma redução, mas trata-se na realidade de um ajuste metodológico para um monitoramento mais aderente à meta proposta. Ademais, foram considerados os dispêndios de recursos com a requalificação de 5 Centros de Reabilitação (CER).","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":3,"projeto_nome":"Vida Urgente","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 294,9 milhões","custeio":"R$ 42,8 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 35,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 59,15 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 59,15 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 19,13 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 19,13 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 78,29 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 78,29 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"Em 2018, como já verificado no ano anterior, a maioria das linhas de ação do projeto Vida Urgente não consumiram recursos orçamentários. Os desembolsos concentraram-se nas iniciativas de ampliação e restruturação da rede de urgência e emergência (linhas de ação 3.11 e 3.12) e construção de hospitais (linha de ação 3.13). Merece destaque o avanço no monitoramento da regionalização desses projetos via relatório do Detalhamento da Ação, do Sistema de Orçamento e Finanças (SOF) da Prefeitura. Este recurso não estava disponível no balanço realizado em 2017. Destaca-se, também, que os recursos dispendidos na construção dos hospitais de Brasilândia e Parelheiros, embora regionalizados nessas subprefeituras, extrapolam os limites político-administrativos convencionados nesta prestação de contas quanto ao seus impactos e abrangência no território. Os benefícios destes investimentos extrapolam os limites territoriais destas subprefeituras, abrangendo como usuários a população de outras regiões do município.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":4,"projeto_nome":"Saúde Digital","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 41,3 milhões","custeio":"R$ 8,7 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 1,25 milhões","total":"R$ 1,25 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 1,25 milhões","total":"R$ 1,25 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"As despesas realizadas no âmbito do Projeto Saúde Digital, em 2018, correspondem aos custos de desenvolvimento e sustentação do aplicativo Agenda Fácil, que já se encontra disponível em todas as Unidades Básicas de Saúde - UBS do município. A expansão dos serviços do Telessaúde (disponibilidade do serviço de teleconsultoria ofertado às equipes de saúde para responder dúvidas e orientar decisões sobre procedimentos clínicos, ações de saúde e questões relativas ao processo de trabalho) para todas as UBS do município não resultou em custos adicionais.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":5,"projeto_nome":"Qualifica Saúde","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 10,2 milhões","custeio":"R$ 5,9 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"Em 2018, o projeto Qualifica Saúde passou por revisão de escopo e, consequentemente, cronograma de execução. Desse modo, não foram despendidos recursos orçamentários no projeto.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":6,"projeto_nome":"#AceleraSaúde - Corujão da Saúde","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 6,4 milhões","custeio":"R$ 76,6 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 110,72 milhões","total":"R$ 110,72 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,15 milhões","total":"R$ 0,15 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 110,87 milhões","total":"R$ 110,87 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"No âmbito do #Acelera Saúde - Corujão da Saúde, em 2018, os gastos financeiros corresponderam à manutenção da expansão na oferta de exames prioritários. Ao longo do ano, foram realizados mais de 2 milhões de exames, favorecendo a ampliação do acesso e a redução do tempo médio de espera, que fechou o ano em média de 40 dias. As demais ações não acarretaram custos adicionais, tendo sido realizadas através da utilização das capacidades já existentes na Secretaria Municipal de Saúde - SMS. É importante ressalvar que o valor divulgado para a realização de exames prioritários se refere ao valor total de exames contratados, não havendo diferenciação entre o número base de dezembro de 2016 e o acréscimo em decorrência do compromisso assumido de ampliar a disponibilidade de exames.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":7,"projeto_nome":"Viva a Criança","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 6,7 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 1,8 milhões"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,17 milhões","total":"R$ 0,17 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,51 milhões","total":"R$ 0,51 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,68 milhões","total":"R$ 0,68 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"Para o Projeto Viva a Criança, os principais gastos em 2018 foram destinados ao aumento da disponibilidade dos métodos contraceptivos de longa permanência através da utilização de 2.452 implantes subdérmicos. Nas demais ações propostas, como as de capacitação para qualificação da atenção ao recém nascido nas maternidades e seguimento dessa criança na atenção básica, não houve empenho de recursos.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":8,"projeto_nome":"Redenção","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 10,9 milhões","custeio":"R$ 548,4 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 47,81 milhões","total":"R$ 47,81 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,55 milhões","custeio":"R$ 0,34 milhões","total":"R$ 0,89 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,55 milhões","custeio":"R$ 48,16 milhões","total":"R$ 48,71 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"Em 2018, a execução orçamentária do Projeto Redenção continuou a refletir os esforços de expansão e manutenção de equipamentos e serviços voltados ao atendimento de pessoas em situação de abuso de álcool e outras drogas. Além dos gastos com manutenção de equipes da estratégia Consultório na Rua e com vagas em leitos de hospitalares de desintoxicação (cujo número total de vagas disponibilizadas foram reduzidas em relação a 2017, o que reflete esforços de aprimoramento da gestão de casos), houve a expansão de gastos com o fortalecimento da Rede de Atenção Psicossocial, através da implantação de novos CAPS e a reclassificação de outros já existentes de tipo II para III.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":9,"projeto_nome":"Trabalho Novo","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 21,5 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"O custeio por parte da SMADS corresponde a entrega de kits de alimentação para as atividades. Não houve desembolso para custeio da parceria até o momento, executada pela Secretaria Municipal do Trabalho e Empreendedorismo (SMTE) em regime de acordo de cooperação. A diferença entre a projeção publicada no âmbito do Programa de Metas e a execução orçamentária se deve à modalidade da parceria, que não envolve custos para a Prefeitura.","dt_informacao_adicional":"2018-07-18 14:42:49"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":10,"projeto_nome":"Direitos Humanos na Cidade","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 7,2 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"As despesas relacionadas ao projeto 10 – Direitos Humanos na Cidade, em 2018, referem-se ao pagamento da atuação por 1 (um) mês da equipe de atendimento multidisciplinar do Núcleo de Direitos Humanos de São Miguel Paulista (Termo de Colaboração 004\/SMDHC\/2018) e ao serviço de reforma de espaço para atendimento da Ouvidoria de Direitos Humanos no Centro de São Paulo. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":11,"projeto_nome":"Cidade Amiga do Idoso","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 65,0 milhões","custeio":"R$ 207,8 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 5,6 milhões"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,47 milhões","custeio":"R$ 6,97 milhões","total":"R$ 7,44 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,47 milhões","custeio":"R$ 6,97 milhões","total":"R$ 7,44 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"O Projeto Cidade Amiga do Idoso é de responsabilidade compartilhada entre a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), a Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social (SMADS) e a Secretaria Municipal de Cidadania e Direitos Humanos (SMDHC). Em SMS, foram despendidos recursos relacionados à ampliação do Programa de Acompanhante de Idoso em 6 equipes e e à implantação de de uma nova Unidade de Referência de Saúde do Idoso (URSI). No que tange às demais atividades, relacionadas à obtenção do selo inicial do Programa São Paulo Amigo do Idoso, não houve execução financeira, uma vez estas foram promovidas com a utilização da capacidade já instalada da municipalidade.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":12,"projeto_nome":"CadMais SP","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"O Projeto CADMais SP não prevê custos, pois trata-se de iniciativa para simplificar a política de transferência de renda a partir da estrutura já estabelecida na Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social (SMADS). O projeto busca tornar tal processo mais simples e eficiente, tanto para o cidadão beneficiário, quanto para a administração pública, a partir da implantação de novos fluxos e protocolos, não sendo necessária a contratação de novos serviços.","dt_informacao_adicional":"2018-07-19 11:08:00"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":13,"projeto_nome":"Longevidade","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 1,0 milhões","custeio":"R$ 20,5 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,17 milhões","total":"R$ 0,17 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,13 milhões","total":"R$ 0,13 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,30 milhões","total":"R$ 0,30 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"","dt_informacao_adicional":"2019-03-22 11:03:34"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":14,"projeto_nome":"Universidade Aberta da Pessoa Idosa","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 2,9 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"No período não houve despesa com o projeto devido às dificuldades encontradas para sua concretização. Foi publicado edital de seleção de organização da sociedade civil na área de Educação a fim de oferecer estrutura pedagógica para o programa, porém as três propostas recebidas não atenderam aos requisitos do projeto e foram desclassificados pela comissão de seleção. O edital foi revisto e mesmo assim, não foram apresentadas propostas adequadas. Simultaneamente, não foi possível a implantação dos cursos nos locais planejados. Assim, não foram realizados gastos e as atividades promovidas de forma complementar ao projeto contaram apenas com a utilização da capacidade já instalada da municipalidade.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":15,"projeto_nome":"Espaços Vida","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 19,0 milhões","custeio":"R$ 116,5 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 123,7 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 31,56 milhões","total":"R$ 31,56 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 1,51 milhões","total":"R$ 1,51 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 33,07 milhões","total":"R$ 33,07 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"O valor inscrito como “Outros recursos” corresponde ao valor monetário de doações feitas para os Centros Temporários de Acolhimento (CTA). O custeio corresponde ao valor das parcerias para operacionalização dos CTAs. A diferença substantiva em relação ao valor originalmente previsto corresponde a valores previstos para a instalação dos Espaços Vida, que será concretizada futuramente.","dt_informacao_adicional":"2018-07-18 14:42:49"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":16,"projeto_nome":"Segurança Inteligente","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 35,0 milhões","custeio":"R$ 327,0 milhões"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 1,46 milhões","custeio":"R$ 0,40 milhões","total":"R$ 1,86 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 1,46 milhões","custeio":"R$ 0,40 milhões","total":"R$ 1,86 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"Relativamente à Linha de Ação 16.3, que diz respeito ao Programa City Câmeras, observa-se que, apesar da realização da prospecção junto aos Conselhos Comunitários de Segurança (CONSEGs) e ao Sindicato das Empresas de Compra, Venda e Locação de Imóveis (SECOVI), e da doação de 2.000 câmeras às Prefeituras Regionais para instalação conjunta com a sociedade, entre outras ações, a adesão global ao programa tem sido mais lenta do que o esperado. Aguardam-se os resultados de ações adicionais junto a parceiros do setor privado e da sociedade civil (cerca de 4.000 câmeras), que sinalizam positivamente para a retomada do atingimento da meta no próximo semestre de 2019. A Linha 16.4, relativa à integração do sistema 153 da GCM ao sistema 156 da Prefeitura, está passando por uma readequação, uma vez que foram identificados alguns problemas de interoperabilidade com os sistemas da Polícia Militar do Estado de São Paulo, uma das parcerias estratégicas da SMSU na produção de dados sobre as condições de segurança da cidade. A Linha 16.5 foi completada com a publicação da Portaria SMSU nº 01, de 04 de janeiro de 2019, que institui o Programa CompStat Paulistano. A Linha 16.6, referente à capacitação dos membros da GCM à metodologia CompStat está em implementação, adequada às especificidades estipulada na Portaria SMSU nº 01\/2019.\t\t\t","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":17,"projeto_nome":"Cidade Segura","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 38,1 milhões","custeio":"R$ 226,5 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 17,42 milhões","total":"R$ 17,42 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 1,00 milhões","total":"R$ 1,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 18,42 milhões","total":"R$ 18,42 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"Na Linha de Ação 17.1, as contratações de novos guardas civis metropolitanos no primeiro semestre de 2018 ficaram abaixo do previsto, por conta da baixa taxa de comparecimento dos candidatos aprovados à nomeação para tomarem posse e iniciarem exercício. Há um novo edital, a ser publicado no primeiro semestre de 2019, já em fase de finalização, visando compensar a insuficiência das contratações atuais para o atingimento da meta de 1.500 novos guardas em exercício até 2020. A Linha 17.5 observou recuo, por conta de aumento contingencial nos afastamentos de GCMs nos meses de outubro e novembro, cuja normalização não foi suficiente para se retornar à meta até o encerramento do ano de 2018.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":18,"projeto_nome":"São Paulo Cidade Ativa","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 27,3 milhões","custeio":"R$ 143,9 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 8,4 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 1,24 milhões","custeio":"R$ 3,09 milhões","total":"R$ 4,33 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 1,24 milhões","custeio":"R$ 3,09 milhões","total":"R$ 4,33 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:20:40"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":19,"projeto_nome":"Nossa Creche","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 1.991,1 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 293,25 milhões","total":"R$ 293,25 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 293,25 milhões","total":"R$ 293,25 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"Em 2018 o Projeto Nossa Creche destinou mais de 300 milhões de reais para custear a ampliação das matrículas em creche, buscando garantir condições de qualidade nas novas unidades e nas unidades já existentes. Esse valor correspondeu, no referido ano, a 12% do total de recursos destinados à construção, manutenção e parcerias com organizações sociais para o atendimento de bebês e crianças em creches, que foram de quase R$ 2 bilhões e 800 milhões.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":20,"projeto_nome":"Alfabetização","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 7,4 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,06 milhões","total":"R$ 0,06 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,53 milhões","total":"R$ 0,53 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,59 milhões","total":"R$ 0,59 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"Assim como em 2017, a maior parte dos recursos considerados no projeto 20 - Alfabetização estão ligados a ações de formação do Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa (PNAIC), que totalizaram R$ 533.220,00 com execução direta pelo Governo Federal. Os demais recursos (R$ 57.600,00) são referentes a assessoria para formação de professores alfabetizadores.Para evitar duplicidade, os recursos destinados à Provinha São Paulo (linha de ação 2) foram considerados apenas no projeto 22 - Avaliação Externa.Por fim, como em 2018 houve uma redução do número de turmas de 1º ano, não foi necessário expandir o número de estagiários para ampliar o percentual de turmas acompanhadas, não gerando, dessa forma, despesas adicionais a serem consideradas no projeto.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":21,"projeto_nome":"Apoio Pedagógico","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 21,3 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,89 milhões","total":"R$ 0,89 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,89 milhões","total":"R$ 0,89 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"Com a intensificação das ações para implementação do Currículo da Cidade do Ensino Fundamental, foram ampliadas as contratações de assessores para a formação de professores especialistas, que, combinadas às demais despesas relacionadas ao tema (infraestrutura para seminários, por exemplo) totalizaram R$ 287.342,20.A maior parte das despesas relacionadas a esse projeto estratégico, entretanto, são produto da expansão do Projeto Rede (apoio funcional a estudantes com deficiência), que, desde setembro, teve seu quadro de profissionais ampliado nas escolas, com custo adicional de R$ 434.311,50.As demais despesas do projeto são relativas à contratação de assessorias para a formação de profissionais da educação especial (R$ 63.302,00) e dos Núcleos de Apoio e Acompanhamento para Aprendizagem - NAAPAs (R$ 44.100,00), bem como à expansão de estagiários do quadro Aprender sem Limite (R$ 54.427,32).","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":22,"projeto_nome":"Avaliação Externa","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 26,6 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,05 milhões","custeio":"R$ 6,18 milhões","total":"R$ 6,23 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,05 milhões","custeio":"R$ 6,18 milhões","total":"R$ 6,23 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"As despesas do projeto \"Avaliação Externa\" ao longo do ano de 2018 - em torno de 6 milhões e 300 mil reais - compreenderam a elaboração, impressão e análise dos resultados das seguintes avaliações: Avaliação Semestral (Ensino Fundamental Regular e Educação de Jovens e Adultos), Provinha São Paulo, Prova São Paulo, Prova EJA e Simulado ENEM. A execução orçamentária do projeto, assim como sua execução física, ficou bastante próxima do previsto para o ano.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":23,"projeto_nome":"Currículo da Cidade de São Paulo","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 15,0 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 6,76 milhões","total":"R$ 6,76 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,30 milhões","custeio":"R$ 0,07 milhões","total":"R$ 0,37 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,30 milhões","custeio":"R$ 6,83 milhões","total":"R$ 7,13 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"Ao longo do ano de 2018 foram empenhados 15,3 milhões de reais no projeto \"Currículo da Cidade de São Paulo - Ensino Fundamental\", sendo já liquidados 7 milhões de reais. Parte significativa dos recursos ainda não liquidados refere-se ao pagamento de serviço de gráficas para a impressão dos materiais voltados à implementação do Currículo, ou seja, os próprios Documentos Curriculares, os Cadernos da Cidade e as Orientações Didáticas. Estes serviços são efetivamente pagos após a entrega dos materiais. Houve um aumento no valor total do projeto, em relação à previsão orçamentária inicial, pois sua execução incluiu, ao longo de 2018, a elaboração e distribuição de materiais de apoio aos professores e alunos (Cadernos de Apoio e de Orientações Didáticas) e a construção e alimentação do \"Currículo Digital\", plataforma virtual do Currículo para consulta, inspiração e aplicação em sala de aula. Vale também destacar que para o alcance do projeto, no que se refere à implementação do letramento digital em todas as unidades educacionais de Ensino Fundamental, parte significativa de seus custos estão contemplados no projeto CEU 21. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":24,"projeto_nome":"Acesso e Permanência","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,5 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,61 milhões","total":"R$ 0,61 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,61 milhões","total":"R$ 0,61 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"As despesas ligadas ao projeto Acesso e Permanência em 2018 estão, em sua totalidade, ligadas à linha de ação 6, pois são relativas à parceria para formação das comissões de mediação de conflitos. As demais ações do projeto foram integralmente realizadas pelas equipes da Secretaria Municipal de Educação. Além disso, de modo a evitar duplicidade, as despesas ligadas à formação de profissionais dos Núcleos de Apoio e Acompanhamento para Aprendizagem (NAAPA) foram consideradas exclusivamente no projeto 21 - Apoio Pedagógico.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":25,"projeto_nome":"São Paulo Educadora","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 33,8 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,60 milhões","total":"R$ 0,60 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 5,86 milhões","total":"R$ 5,86 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 6,46 milhões","total":"R$ 6,46 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"A Execução Orçamentária do Projeto 25 - São Paulo Educadora envolveu os custos destinados ao Programa “São Paulo Integral” e “Mais Educação São Paulo - Atividades Complementares”. Foi calculado o valor executado em 2017 e a diferença para 2018. Importante ressaltar que:1. A Portaria SME nº 8003\/2017 introduziu uma modificação importante no Programa “São Paulo Integral”, cujo impacto orçamentário é significativo. As Unidades Educacionais que aderem ao Programa passaram a receber de 2 a 3 professores módulo, quando anteriormente recebiam entre 1 e 2 professores. Dessa forma, os custos com remuneração de professores se ampliaram.2. Para fins de planejamento e execução do Projeto, foram calculadas médias dos valores envolvidos, quais sejam: remuneração de profissionais (Professores de Educação Infantil e Ensino Fundamental I, Professores de Ensino Fundamental II e Médio e Assistentes Técnicos de Educação - ATEs) e alimentação (lanche ou almoço). Somou-se a estes custos o valor do Programa de Transferências de Recursos Financeiros - PTRF, o qual foi calculado de acordo com o valor exato que cada unidade educacional recebeu.3. Como em 2018 não houve aumento da quantidade total de estudantes em Educação Integral em tempo integral, o cálculo acima apresentado abrange somente os aspectos do Projeto 25 em que houve expansão, a saber: o repasse do Programa de Transferência de Recursos Financeiros - PTRF para 7 das 13 Diretorias Regionais de Educação - DREs (Butantã, Campo Limpo, Guaianases, Jaçanã-Tremembé, São Miguel Paulista, Penha e Santo Amaro); remuneração e benefícios dos professores; e os custos de assessoria para elaboração do sistema de monitoramento e para produção de um documento orientador da política. No caso dos custos de alimentação escolar, do PRTF das DREs restantes e da remuneração de ATEs, foi considerado valor zero.4. O recurso total destinado ao Projeto 25 foi calculado com base na linha de ação 09, que soma às Linhas de Ação 07 e 08, vinculadas ao Programa “São Paulo Integral”, os recursos destinados ao Programa “Mais Educação São Paulo - Atividades Complementares”. Dessa forma, para que não houvesse sobreposição, o valor apresentado corresponde à linha de ação 9, pois abrange tanto os educandos em turmas do “São Paulo Integral” quanto aqueles em atividades complementares do “Mais Educação São Paulo”.5. Foram considerados \"\"outros recursos\"\" aqueles advindos de fontes que não são diretas do Tesouro Municipal (fonte 00), quais sejam: Fundeb e transferências federais. O Fundeb é um fundo especial de natureza contábil e âmbito estadual, formado quase em sua totalidade por recursos provenientes de impostos e transferências do Estado e dos Municípios. Os recursos aplicados no fundo são redistribuídos entre todos os entes federativos que oferecem atendimento na educação básica. Dessa forma, a municipalidade contribui para este fundo e, posteriormente, recebe um repasse calculado a partir das matrículas nas escolas públicas e conveniadas. Os recursos do Fundeb são empregados para remuneração de professores, por isso representam a maior parcela do orçamento do Projeto.6. O valor total da execução orçamentária calculado para custeio do São Paulo Educadora em 2018, considerando a manutenção do executado em anos anteriores, é de R$ 39.582.080,03.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":26,"projeto_nome":"CEU 21","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 41,5 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 28,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 3,80 milhões","custeio":"R$ 0,97 milhões","total":"R$ 4,77 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 3,80 milhões","custeio":"R$ 0,97 milhões","total":"R$ 4,77 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"No ano de 2018 houve esforço em prover em todas as unidades EMEF de SME os equipamentos notebooks adquiridos no ano anterior, dessa forma foram efetivamente renovados com equipamentos notebook os laboratórios e áreas administrativas das unidades EMEF, dessa forma avançando nas entregas dos equipamentos quais compõem os laboratórios LED, foi concluída a aquisição dos equipamentos Impressoras 3D, e essas por sua vez deverão iniciar ter suas entregas iniciadas ainda no primeiro semestre de 2019. Foram ainda celebrados contratos que apoiam diretamente as ações de instalação, suporte e manutenção para os projetos26 e 27, fornecendo subsidio para o bom andamento das próximas etapas do projeto.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":27,"projeto_nome":"Escola Digital","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 36,7 milhões","custeio":"R$ 92,8 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 90,5 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 1,61 milhões","total":"R$ 1,61 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 2,34 milhões","total":"R$ 2,34 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 3,94 milhões","total":"R$ 3,94 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"Em 2018 os principais investimentos do Projeto Escola Digital ficaram por conta de contratos de apoio, foram celebrados contratos que subsidiam as instalações e manutenção dos recursos de redes das unidades de SME, foram executadas as migrações das unidades escolares para novo link de internet central de 5Gbps. As unidades CEU receberam links de internet com velocidade de 100Mbps e foram iniciados pilotos para prover links de alta velocidade nas unidades EMEF. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":28,"projeto_nome":"Cultura em Parceria","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,1 milhões","custeio":"R$ 2,8 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"Assim como ocorreu no ano de 2017, em 2018 a Secretaria Municipal de Cultura não onerou os cofres públicos para que o projeto Cultura em Parceria fosse viabilizado. A implementação de novos modelos de gestão não implica aumento nos gastos orçamentários. Os R$ 2,9 milhões (investimento e custeio) que foram inicialmente previstos para implementação das linhas de ação foram considerados para incremento de material de uso, reformas prediais e parcerias com a sociedade civil. Como se pode verificar, parte deste montante já foi utilizado com reformas e revitalizações.","dt_informacao_adicional":"2019-04-03 10:21:17"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":29,"projeto_nome":"Cultura Sampa","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 57,8 milhões","custeio":"R$ 80,1 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,91 milhões","custeio":"R$ 6,55 milhões","total":"R$ 7,45 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,91 milhões","custeio":"R$ 6,55 milhões","total":"R$ 7,45 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"Ao verificar os valores financeiros previstos no início de 2017, o Projeto Cultura Sampa conseguiu executar a maioria das linhas de ação com uma quantidade menor de recursos. Até o final de 2018, Casas de Cultura foram requalificadas e outros equipamentos culturais receberam melhorias de acessibilidade arquitetônica, onerando as verbas disponíveis no FUNDURB e no orçamento próprio da Secretaria. Essas reformas são custosas e o gasto maior ocorreu no ano de 2018. A programação das Casas aumentou exponencialmente e os artistas contratados puderam expandir sua atuação em diferentes regiões da cidade, sem significar uma elevação tão grande no valor gasto global. O Museu de Arte de Rua permaneceu ativo e bem sucedido ao longo do ano e teve doações financeiras de grande vulto em 2017 (R$ 181.759,02). Já foi feito o mapeamento das novas salas de cinema e da futura Escola do Grafite, mas não foi executada nenhuma obra, explicando, mais uma vez, a economia no gasto em 2017 e 2018 se comparado ao valor global previsto na publicação do Programa de Metas em 2017. Finalmente, os serviços de wi-fi foram expandidos e oneraram aproximadamente R$ 2.000.000 em dois anos, atingindo um total de 85,7% dos equipamentos culturais até o final de 2018.","dt_informacao_adicional":"2019-04-03 10:21:45"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":30,"projeto_nome":"Biblioteca Viva","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 22,7 milhões","custeio":"R$ 89,6 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 2,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,14 milhões","custeio":"R$ 2,43 milhões","total":"R$ 2,58 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,14 milhões","custeio":"R$ 2,43 milhões","total":"R$ 2,58 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"quatro reformas previstas nas bibliotecas públicas, uma foi executada em 2017 (Biblioteca Menotti del Picchia) e três em 2018 (Biblioteca Érico Veríssimo, Bibliotecas Hans Christian Andersen e Biblioteca Monteiro Lobato. O valor de investimento em 2018 foi menor do que o de 2017 em razão das reformas terem sido mais pontuais, se comparadas às na Menotti, que teve toda a infraestrutura requalificada. A redefinição de mobiliário interno e formas de exposição de acervo estão sendo implementados paulatinamente. Não obstante, houve economia de gasto em razão do recebimento de doações de mobiliário, de sessões de treinamento de atendimento em bibliotecas, bem como de acervo e eventos culturais, todas oriundas do 1º setor. O núcleo de Programação vem implementando novos eventos e parcerias inéditas que estão sendo executadas, explicando, em parte, o valor executado na parte de custeio.","dt_informacao_adicional":"2019-04-01 15:29:50"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":31,"projeto_nome":"Centros de Cidadania","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 60,3 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 19,8 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,22 milhões","custeio":"R$ 12,15 milhões","total":"R$ 12,37 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,63 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,63 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,85 milhões","custeio":"R$ 12,15 milhões","total":"R$ 12,99 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"No ano de 2018, o orçamento realizado compreendeu apenas os custos de manutenção da rede de serviços atual. A formação dos servidores e as expansões previstas dessa rede - que ocorrerão por meio da implantação de um novo Centro de Cidadania LGBTI, três novos Centros de Referência de Promoção da Igualdade Racial e da Casa da Mulher Brasileira – terão despesas somente a partir do ano de 2019 uma vez que houve atrasos na execução de parte das atividades e dificuldades em operacionalizá-las devido às restrições orçamentárias colocadas. Soma-se a isso o fato de que grande parte das atividades realizadas no período foram feitas com a capacidade já instalada da Prefeitura de São Paulo e também por meio de parcerias como a realizada com a Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social para utilização de sistemas de atendimento ao usuário já existentes na PMSP, o que gerou uma economia significativa ao projeto visto que não foram criadas novas despesas ao município.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":32,"projeto_nome":"Selo de Direitos Humanos e Diversidade","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 1,4 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,01 milhões","custeio":"R$ 0,01 milhões","total":"R$ 0,02 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,14 milhões","total":"R$ 0,14 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,01 milhões","custeio":"R$ 0,15 milhões","total":"R$ 0,16 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"As despesas realizadas com o projeto do Selo Municipal de Direitos Humanos e Diversidade foram voltadas, principalmente, para a realização do evento de seu lançamento e da primeira edição da premiação às organizações, tais como: contratação artística, confecção de troféus e de material de divulgação, impressão de material gráfico. Além disso, foi recebida uma doação de consultoria privada, a qual realizou, entre outros, a elaboração do Guia e do site do Selo, a gestão das inscrições das organizações candidatas e o apoio à realização dos eventos. Por outro lado, iniciou-se o processo de contratação da pesquisa prevista na Linha de Ação 3, o qual, entretanto, ainda não foi finalizado.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":33,"projeto_nome":"Sampa Verde","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 99,9 milhões","custeio":"R$ 133,8 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 6,75 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 1,80 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 1,80 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 1,80 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 1,80 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"O montante despendido no plantio de mudas de árvores em 2017 refere-se aos meses de janeiro a maio. Em razão de insufiência orçamentária, o contrato de plantio foi rescindido amigavelmente em junho de 2017. As árvores plantadas ao longo de 2017, conforme a medodologia de cálculo que desconsidera plantios por Prefeituras Regionais, TCA e TAC, tiveram como fonte de investimento apenas os valores empenhados e liquidados em janeiro daquele ano.","dt_informacao_adicional":"2018-07-19 11:08:00"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":34,"projeto_nome":"Recicla Sampa","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 25,2 milhões","custeio":"R$ 274,2 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 3,1 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,18 milhões","custeio":"R$ 10,38 milhões","total":"R$ 10,56 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,39 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,39 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,57 milhões","custeio":"R$ 10,38 milhões","total":"R$ 10,95 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"","dt_informacao_adicional":"2019-03-13 14:28:36"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":35,"projeto_nome":"Pedestre Seguro","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 118,8 milhões","custeio":"R$ 5,4 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 6,98 milhões","total":"R$ 6,98 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 6,98 milhões","total":"R$ 6,98 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"As Linhas de Ação do Projeto Pedestre Seguro são de execução da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) - tendo em vista as diretrizes de atuação dadas pela Secretaria de Mobilidade e Transportes (SMT), na sua esfera de competência relacionada mais diretamente às atribuições legais do Departamento de Operação do Sistema Viário (DSV). A SMT contrata a companhia anualmente para planejamento do trânsito, implantação de sinalização, operação do sistema viário e execução de ações de educação de trânsito (em 2018, isso se deu por meio do contrato administrativo nº 001\/18-SMT.GAB). Logo, as ações previstas no Projeto Pedestre Seguro estão no âmbito desse contrato. No entanto, a forma pela qual historicamente esses sucessivos contratos vêm sendo conduzidos - o que impacta a governança da companhia - não comporta a mesma forma de mensuração por produtos e ações pelo meio das quais está estruturado o Programa de Metas; isso torna intrincada a individualização de alguns itens constantes do Programa de Metas que, à luz da gestão interna da CET, comporiam elementos mais abrangentes. Isso se nota mais evidentemente na distribuição dos custos relacionados a pessoal, que relacionam os recursos humanos diretamente empregados em determinada ação, por estimativa posterior, pelas chefias das equipes, do tempo dedicado pelos servidores a alguns itens dessas ações (não individualizados no custo geral), e a parte ideal de esforços internos de gestão da companhia. Com isso, o levantamento de custos apresentado levou em conta as medições realizadas para esse contrato em 2018, de acordo com as unidades de serviço utilizadas - mecanismo de controle do qual se fez uso nas medições para lançamento dos serviços prestados pela CET à SMT. No levantamento realizado, além dos custos envolvidos com implantação de sinalização e intervenções relacionadas, considerou-se também o custo com mão de obra para planejamento e elaboração de projetos, dado que essa atividade também constitui o objeto desse contrato de prestação de serviço.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":36,"projeto_nome":"Trânsito Seguro","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,4 milhões","custeio":"R$ 0,63 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,58 milhões","custeio":"R$ 18,29 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 22,15 milhões","total":"R$ 22,15 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 22,15 milhões","total":"R$ 22,15 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"As Linhas de Ação 36.2 e 36.3 são de execução da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) - tendo em vista as diretrizes de atuação dadas pela Secretaria de Mobilidade e Transportes (SMT), na sua esfera de competência relacionada mais diretamente às atribuições legais do Departamento de Operação do Sistema Viário (DSV). A SMT contrata a companhia anualmente para, entre outras atividades, implementar ações de educação de trânsito (em 2018, isso se deu por meio do contrato administrativo nº 001\/18-SMT.GAB). Logo, os atendimentos realizados no âmbito das Linhas de Ação 36.2 e 36.3 estão no escopo desse contrato. No entanto, a forma pela qual historicamente esses sucessivos contratos vêm sendo conduzidos - o que impacta a governança da companhia - não comporta a mesma forma de mensuração por produtos e ações pelo meio das quais está estruturado o Programa de Metas; isso torna intrincada a individualização de alguns itens constantes do Programa de Metas que, à luz da gestão interna da CET, comporiam elementos mais abrangentes. Isso se nota mais evidentemente na distribuição dos custos relacionados a pessoal, que relacionam os recursos humanos diretamente empregados em determinada ação, por estimativa posterior, pelas chefias das equipes, do tempo dedicado pelos servidores a alguns itens dessas ações (não individualizados no custo geral), e a parte ideal de esforços internos de gestão da companhia. Com isso, o levantamento de custos apresentado levou em conta as medições realizadas para esse contrato em 2018, de acordo com as unidades de serviço utilizadas para as ações de educação de trânsito. Essas unidades de serviço representam um mecanismo de controle utilizado nas medições mensais do contrato para lançamento dos diferentes tipos de serviços prestados pela CET à SMT. No levantamento aqui apresentado foram consideradas as aquisições realizadas para efetivação das ações educativas, o custeio das estruturas que prestam atendimento na área de educação de trânsito e também o custo com mão de obra, que também é objeto desse contrato de prestação de serviço. As Linhas de Ação 36.1 e 36.5 não tiveram execução físico-orçamentária em 2018. A Linha de Ação 36.4 (Programa Viagem Segura) é de responsabilidade da Gerência de Desenvolvimento de Recursos Humanos da São Paulo Transporte S.A. (SPTrans) - como no caso da CET, existe um contrato de prestação de serviços firmado entre a SMT e a SPTrans, relativo a parte da competência legal do Departamento de Transporte Público (DTP), cujo objeto é a gestão e a fiscalização do Sistema Municipal de Transporte Coletivo Urbano Público sobre pneus (em 2018, foi o contrato nº 002\/18-SMT.GAB). Dessa forma, no levantamento realizado considerou-se o custo aproximado com a mão de obra envolvida na gestão do programa, dado que essa atividade também constitui o objeto desse contrato de prestação de serviço entre SMT e SPTrans.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":37,"projeto_nome":"Mobilidade Inteligente","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 1,4 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 2,74 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 2,74 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 2,74 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 2,74 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"O presente Projeto Estratégico corresponde às entregas relacionadas à produção de novas tecnologias e de pesquisas que suportem as políticas públicas da Secretaria Municipal de Mobilidade e Transportes (SMT). Grande parte dessas ações são conduzidas no âmbito do MobiLab, laboratório de dados abertos da Prefeitura de São Paulo, que oferece programas de residência e hospedagem para startups desenvolverem projetos de tecnologia afetos à área de mobilidade e transportes, contando com apoio das áreas técnicas da Prefeitura. Os custos apontados referem-se a despesas com pessoal da equipe técnica que atua integralmente no MobiLab, e com aluguel e manutenção do espaço diferenciado de coworking onde as atividades são realizadas. Esses custos estão no âmbito do contrato de prestação de serviços firmado anualmente entre a SMT e a São Paulo Transporte S. A. (em 2018, estava vigente o contrato 002\/18-SMT.GAB).","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":38,"projeto_nome":"Ciclomobilidade","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 297,1 milhões","custeio":"R$ 2,3 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,96 milhões","total":"R$ 0,96 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,96 milhões","total":"R$ 0,96 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"A execução orçamentária apontada para a Linha de Ação 38.3 se refere ao planejamento e à elaboração de projetos para a rede cicloviária no âmbito do contrato administrativo de prestação de serviços firmado entre a Secretaria de Mobilidade e Transportes - SMT e a Companhia de Engenharia de Tráfego - CET (contrato 001\/18-SMT.GAB).","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":39,"projeto_nome":"Mutirão Mário Covas e Calçada Nova","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 2,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 8,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 2,94 milhões","total":"R$ 2,94 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 2,94 milhões","total":"R$ 2,94 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"Os liquidados em 2018 correspondem à execução física de 2019 e 2020 e são originários do Fundo de Desenvolvimento Urbano (FUNDURB) e do orçamento próprio da Secretaria Municipal de Subprefeituras.  ","dt_informacao_adicional":"2018-07-24 13:50:13"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":40,"projeto_nome":"Cidade Conectada","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 1.039,4 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 9,63 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 9,63 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 14,80 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 14,80 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 24,43 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 24,43 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"O Projeto Cidade Conectada se refere à infraestrutura de suporte ao sistema público municipal de transporte urbano de passageiros (que se dá por ônibus), ou seja, trata da entrega de corredores dedicados aos ônibus e de terminais urbanos. Essas são estruturas de grande importância para aumento da eficiência e capacidade do sistema. A execução da maior e mais onerosa parte do escopo do projeto cabe à Secretaria Municipal de Infraestrutura Urbana e Obras e à São Paulo Obras (entidade empresarial àquela vinculada), órgãos aos quais competem os investimentos em infraestrutura urbana. À São Paulo Transporte, entidade vinculada à Secretaria Municipal de Mobilidade e Transportes, cabe desenvolver a estratégia do sistema e, assim, fornecer as diretrizes de implantação da infraestrutura. Ao longo do ano de 2018, por meio dos contratos administrativos 045\/SIURB\/13, 046\/SIURB\/13 e 051\/SIURB\/13, houve a execução de obras para o corredor Leste Itaquera (trecho 1), para o corredor Capão Redondo e para o Terminal Urbano de Itaquera, cujos valores liquidados estão sendo apontados. Além disso, cumpre destacar que algumas medições contratuais realizadas no final do exercício de 2018 não foram liquidadas até o fechamento da execução orçamentária e seus valores não foram contabilizados neste levantamento.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":41,"projeto_nome":"Transporte Meu","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"Os compromissos presentes no Projeto 41 serão obtidos por meio dos novos contratos de concessão do serviço de transporte público (ainda em fase de licitação). Entretanto, alguns resultados relacionados à renovação da frota foram obtidos com os atuais contratos de concessão e permissão e foram divulgados no relatório de execução de 2018 do Programa de Metas. No que se refere à execução orçamentária, torna-se inviável apontar os recursos envolvidos especificamente em cada Linha de Ação do Projeto, já que essas ações se referem a algumas regras contratuais específicas constantes desses contratos e que não podem ser mensuradas isoladamente. A título informativo, no ano de 2018, as compensações tarifárias para o sistema de transporte público municipal impactaram em R$ 3 bilhões o Orçamento Municipal - dotação 20.10.26.453.3009.4701.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":42,"projeto_nome":"Casa da Família","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 1.521,08 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 2.770,5 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 44,35 milhões","custeio":"R$ 8,48 milhões","total":"R$ 52,83 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 860,81 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 860,81 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 905,16 milhões","custeio":"R$ 8,48 milhões","total":"R$ 913,64 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"Vale ressaltar que os dados de execução orçamentária de 2018 relativos à “Outros recursos”, consideram recursos orçamentários oriundos de transferências estaduais e federais de execução direta da PMSP, bem como estimativas de aporte federal e estadual para empreendimentos do Programa Minha Casa Minha Vida. No caso destes últimos, são recursos que não passam pelo orçamento do Município, sendo aportados pelos entes federal e estadual para empreendimentos do Programa Minha Casa Minha Vida, FAR e FDS.","dt_informacao_adicional":"2019-03-27 14:42:14"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":43,"projeto_nome":"Construção ou reforma de Unidades Habitacionais para locação social","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 20,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 116,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"A Prefeitura continua trabalhando para viabilizar a meta de mil unidades habitacionais para locação social. Para tanto, após a aprovação junto ao Ministério das Cidades do projeto piloto de locação para população em situação de rua ocorrida em 2017, continua em andamento a negociação com o Governo Federal para a contratação dos recursos do Orçamento Geral da União por meio do Fundo Nacional de Habitação de Interesse Social - FNHIS para execução das obras de reforma e construção de 441 unidades habitacionais.Vale destacar que os valores de imóveis adquiridos, desapropriados ou reformados, cuja destinação é para atendimento do Projetos 43 de locação social, foram contabilizados na execução orçamentária de 2017 do Projeto 42, linha de ação 42.7 “Adquirir imóveis para construção ou reforma de 10.250 Unidades Habitacionais de interesse social”. Em 2018 está informação está sendo separada por projeto.","dt_informacao_adicional":"2018-07-24 15:39:13"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":44,"projeto_nome":"Programa de Regularização Fundiária","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 43,4 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 71,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 3,33 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 3,33 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 24,27 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 24,27 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 27,60 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 27,60 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"É importante destacar o contexto da execução desta meta, pois neste período houve grande esforço de adaptação à nova legislação federal de regularização fundiária (Lei Nº 13.465\/2017), que demandou revisão de um conjunto expressivo de processos e ajustes na estrutura e fluxos de trabalho. Ainda para este projeto vale lembrar que a metodologia de cálculo define que, na soma do número de famílias beneficiadas pelas ações deste programa, considerando suas fases (linhas de ação), cada família é contada uma única vez, sendo assim, aquelas que mudam de uma fase (linha de ação) para outra, são excluídas da contagem do cômputo do benefício alcançado em estágios anteriores.","dt_informacao_adicional":"2019-04-02 16:49:39"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":45,"projeto_nome":"Urbanização Integrada em Assentamentos Precários","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 231,7 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 872,9 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 26,59 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 26,59 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 78,58 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 78,58 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 105,17 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 105,17 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"Com relação à execução orçamentária de 2018 do Projeto 45, a redução da execução orçamentária se deve à separação dos Projetos 42 e 45. Importante ressaltar que muitas das intervenções de urbanização de assentamentos precários são caracterizadas por sua complexidade e prazos longos de execução. As intervenções integradas em assentamentos precários envolvem ações de longo prazo e geralmente articulam diversas fontes de recursos, de vários níveis de governo, para a viabilização das intervenções. Vale lembrar que o Governo Federal cancelou em 2017 um montante de recursos do Programa de Aceleração do Crescimento - PAC considerável para aplicação nas urbanizações na região de mananciais. Número de famílias beneficiadas contabilizadas é do biênio e é considerada a partir da porcentagem de obra executada.","dt_informacao_adicional":"2019-04-02 16:51:08"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":46,"projeto_nome":"Cidade Resiliente","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 6,5 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"O Projeto 46. Cidade Resiliente apresentou atraso em algumas linhas de ação devido à não adesão de atores-chave às parcerias prospectadas – particularmente as Linhas de Ação 46.4, 46.5, 46.7, 46.8 e 46.9, cuja execução dependia da articulação de parcerias nos territórios, e cujas estratégias de intervenção se complementam. No segundo semestre de 2018, observou-se avanços na Linha 46.1 acima do previsto para o período, em função do reforço do quadro funcional da Coordenação Municipal de Defesa Civil - COMDEC, com a contratação de 10 geólogos. Adicionado a isso, a COMDEC adotou novas estratégias para integração das linhas de ação, visando potencializar a consecução das entregas no próximo semestre.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":47,"projeto_nome":"Controle de Cheias","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 372,8 milhões","custeio":"R$ 40,0 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 1.295,4 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 11,31 milhões","total":"R$ 11,31 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 123,81 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 123,81 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 123,81 milhões","custeio":"R$ 11,31 milhões","total":"R$ 135,12 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"Em 2017, houve contingenciamento de recursos próprios devido a limitações impostas pela arrecadação municipal no referido ano. Em decorrência destas limitações, foi priorizada a utilização de recursos advindos de fundos e recursos federais. Considerando as fontes federal, FMSAI e FUNDURB, a SIURB atingiu o desempenho de 9,5% do montante planejado, somando em investimentos da ordem de R$ 153 milhões.Quando as linhas de ação a cargo de SMPR (Linhas de Ação 47.3, 47.4, 47.5) não houve execução física nem financeira. Isso porque a metodologia adotada no Programa de Metas 2017 – 2020 considera apenas as despesas de custeio que representaram acréscimo de serviços prestados à população. Dessa forma, os valores dos Projetos Estratégicos não podem ser considerados como o custo total dos Programas\/Atividades aos quais eles estão vinculados, mas sim como a despesa das expansões realizadas. Em 2017, por exemplo, as Prefeituras Regionais realizaram ações de zeladoria no Sistema de Drenagem da Cidade, dentro da programação de serviços planejada. O desenbolso, incluindo os restos a pagar para  a Manutenção do Sistema de Drenagem foi de R$ 148,2 milhões.","dt_informacao_adicional":"2018-07-18 14:42:49"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":48,"projeto_nome":"Sustentabilidade das Edificações","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 6,2 milhões","custeio":"R$ 0,1 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"A ausência de execução orçamentária relativa ao Projeto 48 em 2017 deve-se ao fato de que, até o momento, para produção do Manual de Sustentabilidade, foram utilizadas apenas horas de trabalho das equipes já existentes no Departamento de Edificações da Secretaria.","dt_informacao_adicional":"2018-07-23 10:20:01"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":49,"projeto_nome":"Cidade Acessível","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,7 milhões","custeio":"R$ 0,2 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"A linha de ação nº 49.2 está com entrega atrasada (anteriormente prevista para o primeiro semestre de 2018) e, por isso, não possui execução no período. Está em preparação processo licitatório para contratação de empresa que se responsabilizará pela atualização de publicação (em diversos formatos acessíveis) dos materiais didáticos utilizados pela Coordenação de Acessibilidade e Desenho Universal. Outros recursos executados no âmbito do Projeto Cidade Acessível (como uso de táxi) não representam despesa para além do já executado na rotina de trabalho da unidade responsável pelo Projeto.","dt_informacao_adicional":"2018-07-18 14:42:49"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":50,"projeto_nome":"Centro Lindo","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 5,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 125,6 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 3,19 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 3,19 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 3,19 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 3,19 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"A linha de ação nº 49.2 está com entrega atrasada (anteriormente prevista para o primeiro semestre de 2018) e, por isso, não possui execução no período. Está em preparação processo licitatório para contratação de empresa que se responsabilizará pela atualização de publicação (em diversos formatos acessíveis) dos materiais didáticos utilizados pela Coordenação de Acessibilidade e Desenho Universal. Outros recursos executados no âmbito do Projeto Cidade Acessível (como uso de táxi) não representam despesa para além do já executado na rotina de trabalho da unidade responsável pelo Projeto.","dt_informacao_adicional":"2018-07-18 14:42:49"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":51,"projeto_nome":"Licença Rápida","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 14,0 milhões","custeio":"R$ 6,0 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,76 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,76 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,76 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,76 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"A linha de ação nº 49.2 está com entrega atrasada (anteriormente prevista para o primeiro semestre de 2018) e, por isso, não possui execução no período. Está em preparação processo licitatório para contratação de empresa que se responsabilizará pela atualização de publicação (em diversos formatos acessíveis) dos materiais didáticos utilizados pela Coordenação de Acessibilidade e Desenho Universal. Outros recursos executados no âmbito do Projeto Cidade Acessível (como uso de táxi) não representam despesa para além do já executado na rotina de trabalho da unidade responsável pelo Projeto.","dt_informacao_adicional":"2018-07-18 14:42:49"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":52,"projeto_nome":"Alimentando SP","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 2,5 milhões","custeio":"R$ 11,4 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 2,44 milhões","total":"R$ 2,44 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,01 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,01 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,01 milhões","custeio":"R$ 2,44 milhões","total":"R$ 2,45 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"A execução orçamentária em 2018 foi prejudicada no Programa da Patrulha Agrícola devido ao término do contrato de manutenção e subsequente quebra dos tratores da Patrulha Agrícola, que deve serr normalizado no início de 2019. O Programa de Combate ao desperdício foi expandido para ações de conscientização e doações de alimentos em Feiras Livres, para além do Banco de Alimentos do CRESAN da Vila Maria. Entre 2019 e 2020 deve aumentar o atendimento regionalizado da política devido a abertura de novos CRESANs em outras regiões da cidade, o que deve aumentar os custos desta política, dentro da previsão inicial do Programa de Metas. A oferta de cursos sobre educação alimentar dentro do CRESAN se manteve em parceria com oficineiros voluntários de centros de ensino da cidade, mas para os próximos anos está planejada o aumento das vagas ofertadas através de parcerias e contratação de oficineiros.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":53,"projeto_nome":"Trabalho, Emprego e Renda","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 52,1 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 23,05 milhões","total":"R$ 23,05 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 3,79 milhões","total":"R$ 3,79 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 26,84 milhões","total":"R$ 26,84 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"Para a execução da politica pública de trabalho, emprego e renda, o município dispende recursos para programas de capacitação profissional e para serviços de atendimento ao trabalhador e empreendedor nos CATe- Centro de Apoio do Trabalho e Empreendedorismo, que compreendem desde emissão de carteira de trabalho e acesso ao seguro desemprego até intermediação de mão de obra e oficinas preparatórias para o mercado de trabalho. Para a política de qualificação profissional, a Secretaria Municipal de Trabalho e Empreendedorismo prevê investir 9 milhões em 2018 em projetos como o Programa Operação Trabalho, voltados ao munícipe que se encontra em situação de desemprego por mais de 4 meses, e o Bolsa Trabalho, direcionados à qualificação profissional de jovens de 16 a 20 anos. Em 2018, foram executados 16,11 milhões na operacionalização das políticas no âmbito do Sistema Nacional do Emprego, em que o atendimento ao trabalhador e empreendedor é realizado via CATes equipamento da SMDE utiliza para o efetivo atendimento. Desde 2016, o governo federal não repassa mais verbas para as políticas do SINE, desde então a Prefeitura de São Paulo tem custeado unilateralmente esta política e tem buscado aumentar a eficiência no atendimento ao munícipe de forma a tornar mais curto e conveniente o seu caminho rumo à geração de renda. Os custos com a política pública compreende atualmente a manutenção de 24 unidades, sendo o pagamento de aluguéis, serviços de limpeza e segurança, água, carro, IPTU, serviços de correios, serviços de assessoria de pesquisa, remuneração de consultoria técnica e operacional, guarda de arquivos, manutenção de equipamentos, etc. Em 2019, está planejado a reformulação do atendimento no CATe para tornar o serviço mais eficiente e eficaz.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":54,"projeto_nome":"São Paulo Criativa","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 23,8 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,10 milhões","total":"R$ 0,10 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,10 milhões","total":"R$ 0,10 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"A previsão orçamentária do Programa de Metas considerou despesas com ações importantes da SMTE, como o incentivo ao cooperativismo, por exemplo. No entanto, na análise da execução orçamentária, optou-se por excluir essas despesas, por não estarem diretamente relacionadas aos indicadores das linhas de ação. além disso, outra possível fonte de discrepância entre o previsto e o realizado é o aditamento do contrato de gestão da SMTE com a ADESAMPA, serviço responsável pela execução de algumas ações do PdM, reduzindo o repasse previsto","dt_informacao_adicional":"2018-07-18 14:42:49"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":55,"projeto_nome":"Empreenda Fácil","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 24,1 milhões","custeio":"R$ 41,0 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,01 milhões","total":"R$ 0,01 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,01 milhões","total":"R$ 0,01 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"A previsão orçamentária do Programa de Metas considerou despesas com ações importantes da SMTE, como o incentivo ao cooperativismo, por exemplo. No entanto, na análise da execução orçamentária, optou-se por excluir essas despesas, por não estarem diretamente relacionadas aos indicadores das linhas de ação. além disso, outra possível fonte de discrepância entre o previsto e o realizado é o aditamento do contrato de gestão da SMTE com a ADESAMPA, serviço responsável pela execução de algumas ações do PdM, reduzindo o repasse previsto","dt_informacao_adicional":"2018-07-18 14:42:49"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":56,"projeto_nome":"Descomplica SP","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 69,9 milhões","custeio":"R$ 125,3 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 2,7 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 6,14 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 6,14 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 6,14 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 6,14 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"A primeira unidade do Descomplica SP, localizada em São Miguel Paulista, foi inaugurada em 2018. No entanto, uma vez que a reforma e preparação do local começou em 2017, há valores de liquidação que se referem a esse ano. ","dt_informacao_adicional":"2018-07-18 14:42:49"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":57,"projeto_nome":"WiFi SP","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 1,0 milhões","custeio":"R$ 60,2 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 12,13 milhões","total":"R$ 12,13 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 12,13 milhões","total":"R$ 12,13 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"Os valores liquidados se referem à manutenção dos 120 pontos de WiFi existentes na Cidade de São Paulo","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":58,"projeto_nome":"São Paulo Digital","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 2,5 milhões","custeio":"R$ 13,2 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,12 milhões","total":"R$ 0,12 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,12 milhões","total":"R$ 0,12 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"O projeto de implantação do Processo Eletrônico continuou apresentando resultados expressivos no segundo semestre de 2018. Embora ainda não tenham sido integralmente cumpridas, todas as linhas de ação estão em andamento e já apresentam resultados consideráveis. A Linha de Ação 58.1, considerada já concluída, diz respeito à identificação dos tipos (assuntos e subassuntos) de processos administrativos, público envolvido e medidas necessárias para sua migração ao SEI, viabilizando o atingimento da Meta 43 (100% de processos gerados em meio eletrônico). Após o seu atingimento, outras variáveis importantes para a conclusão do projeto e o atingimento da meta estão presentes e precisam ser equacionadas, tais como a Linha de Ação 58.2, que diz respeito à capacitação dos servidores públicos para a utilização do SEI. Embora não se tenham atingido todos os 35.000 servidores pretendidos até dezembro de 2018, esse número será atingido durante o primeiro semestre de 2019. Por fim, a Meta 43 está próxima de ser atingida. A partir dos esforços empreendidos nas Linhas de Açõa 58.1 e 58.2, algumas atividades que envolvem diversas Secretarias Municipais, com destaque para Urbanismo e Licenciamento, Educação e Subprefeituras, estão sendo desenvolvidas para promover a integração de sistemas legados com o SEI, o sistema de processo eletrônico utilizado neste projeto. A partir da conclusão desses esforços nos primeiros meses de 2019, criam-se as condições que restavam para que toda a Prefeitura deixe de utilizar papel para tramitar seus mais de 350.000 processos administrativos anuais. Vale destacar que, até dezembro de 2018, 34 órgãos e entidades (quase metade) da Administração Municipal já tinham chegado aos 100% de processos eletrônicos.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":59,"projeto_nome":"Plano Municipal de Desestatização","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 107,8 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 13,97 milhões","total":"R$ 13,97 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 13,97 milhões","total":"R$ 13,97 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"Em 2018, os valores liquidados para os projetos de desestatização correspondem à contratação dos serviços de consultoria prestados pela empresa pública São Paulo Parcerias, por meio dos contratos 002\/SMDP\/2018 e 004\/SMDP\/2018. Além disso, também houve a contratação do Consórcio Banco Brasil Plural – Stocche Forbes, vencedor do pregão eletrônico 009\/SMDP\/2017.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":60,"projeto_nome":"São Paulo Cidade do Mundo","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,3 milhões","custeio":"R$ 5,8 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 1,0 milhões","custeio":"R$ 1,1 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,26 milhões","total":"R$ 0,26 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,59 milhões","total":"R$ 0,59 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,85 milhões","total":"R$ 0,85 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"A Secretaria Municipal de Relações Internacionais (SMRI) é responsável por coordenar todas as ações internacionais da Prefeitura de São Paulo e por isso os indicadores físicos refletem as ações internacionais de todas as Secretarias. Em relação à execução orçamentária dessas ações, ela é descentralizada, ou seja, as ações oneram cada pasta demandante, conforme Decreto nº 48.743, de 20 de setembro de 2007. Isso justifica a dificuldade de contabilização de possíveis custos existentes em relação a essas ações. As despesas contabilizadas no âmbito do projeto 60 – São Paulo Cidade do Mundo são apenas as oriundas do orçamento da SMRI, bem como as doações contabilizadas são apenas as das missões coordenadas pela CMPI- Coordenação de Missões e Projetos Internacionais da SMRI (missões do Prefeito ou de integrantes da SMRI). Grande parte das nossas missões são custeadas pelas organizações dos eventos, de modo que as ações possam ser executadas com ônus mínimo para a municipalidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":61,"projeto_nome":"Combate à Sonegação Fiscal","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 7,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"A execução orçamentária do projeto não é significativa e tem como intuito principal aperfeiçoar processos internos.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":62,"projeto_nome":"Orçamento Sustentável","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 2,6 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,8 milhões","custeio":"R$ 15,4 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,05 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,05 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,05 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,05 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"Até agora foi realizado investimento no desenvolvimento do Sistema de Bens Patrimoniais Imóveis - linha de ação 62.2.  Quanto às demais linhas de ação, ressaltamos que seu desenvolvimento foi realizado com recursos já disponíveis na Secretaria da Fazenda, bem como por seus servidores, não resultando em dispêndios adicionais.","dt_informacao_adicional":"2018-07-19 11:08:00"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":63,"projeto_nome":"Gestores da Economia","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 2,0 milhões","custeio":"R$ 0,1 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 2,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"Conforme informado anteriomente, o programa se baseia no levantamento, acompanhamento e controle das despesas operacionais indiretas de cada um dos órgãos da PMSP. Assim, nenhum despesa foi executada.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":64,"projeto_nome":"São Paulo Sem Dívida Ativa","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 11,7 milhões","custeio":"R$ 3,8 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 1,22 milhões","total":"R$ 1,22 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 1,22 milhões","total":"R$ 1,22 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"Todos os gastos expressivos para execução do projeto 64, São Paulo Sem dívida Ativa, estão voltados para aprimoramentos dos Sistemas que a Procuradoria utiliza para o gerenciamento e cobrança da Dívida Ativa do Município. Para aferição da execução orçamentária, a metodologia de cálculo utilizada foi o levantamento do custo com Ordens de Serviços relativas aos pagamentos de entregas realizadas através de contratos para aprimoramentos e desenvolvimento em sistemas. Acerca dos valores, os maiores gastos foram feitos com a manutenção e aprimoramentos pontuais do Sistema da Dívida Ativa - linha 64.1 - (R$ 1.017.325,72 - valor liquidado com recursos prórios para custeio), enquanto uma nova versão do sistema vem sendo desenhada.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":65,"projeto_nome":"São Paulo Aberta","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 3,6 milhões","custeio":"R$ 2,8 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,1 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,10 milhões","total":"R$ 0,10 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,10 milhões","total":"R$ 0,10 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"O projeto 65-São Paulo Aberta é de responsabilidade compartilhada entre a Secretaria Municipal de Relações Internacionais (SMRI) e a Secretaria Municipal de Justiça (SMJ). Algumas ações não envolvem custo direto, apenas de suporte administrativo para execução, como é o caso das reuniões abertas semestrais intersetoriais nas 32 Prefeituras Regionais. A ação que mais recebe recursos específicos é a 65.4, que corresponde à realização de oficinas do Programa Agentes de Governo Aberto nas áreas das 32 prefeituras regionais. Além do pagamento das bolsas dos agentes de governos abertos, selecionados e remunerados conforme Edital Específico para o Programa, há também as obrigações tributárias envolvidas. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":66,"projeto_nome":"Acessibilidade Digital","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,2 milhões","custeio":"R$ 0,6 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,01 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,01 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,01 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,01 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"A linha de ação nº 66.8 do Projeto Acessibilidade Digital é a única que possui execução orçamentária até o momento, em função de dois contratos: um estabelecido com a Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, cujo objeto é a emissão de Certificado Digital Selo Acessibilidade; o outro contrato foi estabelecido com o Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo, que oferece serviço de avaliação de acessibilidade de sítios e portais. Inicialmente, havíamos previsto orçamento específico para a linha de ação nº 66.7, mas ao longo da execução do projeto, verificamos que não seria necessário contratar serviço para apoiar as Secretarias na acessibilização de seus sítios eletrônicos, tarefa executada pela equipe da Secretaria Municipal de Governo responsável pelos Portais Eletrônicos da PMSP.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":67,"projeto_nome":"São Paulo Íntegra e Transparente","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,7 milhões","custeio":"R$ 0,5 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"Com exceção da linha de ação 67.3, que pressupõe investimentos com a construção de um Sistema Público de Monitoramento de Obras, ainda em fase de planejamento, as demais linhas de ação do Projeto 67 – São Paulo Íntegra e Transparente não representam despesa para além do já executado na rotina de trabalho regular da Controladoria Geral do Município.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":68,"projeto_nome":"Comunica SP","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 6,4 milhões","custeio":"R$ 11,0 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 1,43 milhões","total":"R$ 1,43 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 1,43 milhões","total":"R$ 1,43 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"Os valores indicados foram utilizados para a Prestação de Serviços Técnicos Especializados de Tecnologia da Informação, pela PRODAM, para manutenção e hospedagem do portal da Prefeitura Municipal de São Paulo , sites institucionais das Secretarias Municipais (exceto educação) e Subprefeituras, principalmente por meio do Termo de Contrato nº 16\/2017-SGM, e Termo de Aditamento nº 050 e 067\/2018-SGM.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":69,"projeto_nome":"SP 156 Canal Rápido e Direto","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 296,7 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 38,81 milhões","total":"R$ 38,81 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 38,81 milhões","total":"R$ 38,81 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"O valor liquidado se refere ao projeto do SP156 de forma global, incluindo toda a manutenção e modernização dos canais de atendimento SP156 (Central SP156, Portal de Atendimento SP156, Chat e Aplicativo SP156), bem como o sistema para gerenciamento das solicitações dos cidadãos. Por se tratar de um contrato único, é muito difícil realizar a separação dos valores por linhas de ação.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":70,"projeto_nome":"Asfalto Novo","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 310,0 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 245,32 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 245,32 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 245,32 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 245,32 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"Os R$ 245,3 milhões investidos no Projeto Asfalto Novo em 2018 possibilitaram a requalificação de 220 km lineares de vias públicas.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}},{"dados_cadastrais":{"projeto_numero":71,"projeto_nome":"Ações Concentradas de Zeladoria","orcamento_planejado":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,0 milhões","custeio":"R$ 0,0 milhões"},"informacao_adicional_planejado":{"informacao_adicional":"As ações do Programa de Metas 2017-2020 executadas pela SEME no período foram integralmente viabilizadas com recursos próprios, totalizando o montante de R$ 4.326.934,83, investido no Projeto São Paulo Cidade Ativa. Este valor foi alocado para reformas em 06 Centros Esportivos (linha 18.1), para a expansão da oferta de modalidades orientadas nos Clubes da SEME via parcerias (de modo a atender aos objetivos propostos pelas linhas 18.3 e 18.5), e para realização, em novo formato, dos principais eventos promovidos pela Pasta: a Virada Esportiva e os Jogos da Cidade (linhas de ação 18.6 e 18.7). Outras ações não geram impacto orçamentário, como a publicação semestral do calendário reestruturado e o plano de recuperação da finalidade pública dos Clubes da Comunidade. ","dt_informacao_adicional":"2019-03-25 12:49:43"}},"execucao_orcamentaria":{"2018":{"recursos_proprios":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"outros_recursos":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"total_ano":{"investimento":"R$ 0,00 milhões","custeio":"R$ 0,00 milhões","total":"R$ 0,00 milhões"},"informacao_adicional_execucao":{"informacao_adicional":"O Projeto 71 - Ações Concentradas de Zeladoria não implica no dispêndio de recursos além do já executado nas atividades de rotina de zeladoria urbana de SMSUB em conjunto com as Subprefeituras.","dt_informacao_adicional":"2019-03-12 15:25:18"}}}}}]