META
4
Secretaria Municipal da Saúde
Reduzir o tempo médio de espera para exames prioritários para 30 dias na cidade de São Paulo

Número ODS

Execução da Meta



Valor Base 2017 2018 2019 2020 - Projeção para
1° Sem 2° Sem 1° Sem 2° Sem 1° Sem 2° Sem 1° Sem 2° Sem - 2017-2018 2019-2020
Evolução do Indicador 72 70 45 40 - 50 30

Status da Meta: Em andamento

Último dado disponível: junho/2018
Última atualização: julho/2018

  • Ficha TécnicaVer detalhes

    Ponto de partida

    Valor base
    72 dias

    Período base
    2016

    Variação 2013-2016
    +18 dias

    Projeção da meta

    2017-2018
    50 dias
    -22 dias no biênio

    2019-2020
    30 dias
    -20 dias no biênio

    Informações do indicador

    Descrição do indicador
    Tempo médio em dias entre a data de solicitação e a data de realização do exame em relação ao total de agendamentos válidos.

    Fórmula de cálculo
    Total de dias entre a data de solicitação e a data do agendamento para realização do exame / Nº Total de Agendamentos

    Notas técnicas

    Foram considerados exames prioritários: Ecocardiograma, Endoscopia, Mamografia, Ressonância Magnética, Teste Ergométrico, Tomografia e Ultrassonografia, pois sua realização em tempo adequado reduz o risco de morte e sequelas.[Nos dados de produção referentes aos anos de 2016 e 2017 constavam os exames de radiografia convencional (Raio-X). No entanto, devido a mudanças de fluxo no acesso a esses exames, conforme diretrizes da Coordenadoria de Regulação da Secretaria Municipal de Saúde, a partir de 2018, estes exames não permanecem em filas de espera, sendo realizados sob demanda espontânea, sendo assim seus dados não serão incluídos nas informações consolidadas, uma vez que não será possível mensurá-las].

    Unidade de medida
    número absoluto (dias)

    Frequência
    Semestral

    Fonte
    Sistema Integrado de Gestão da Assistência à Saúde/SIGA-Saúde SP

Informações Adicionais
julho/2018

Nos dados de produção referentes aos anos de 2016 e 2017 constavam os exames de radiografia convencional. No entanto, devido a mudanças de fluxo no acesso a esses exames, conforme diretrizes da coordenadoria de regulação desta Secretaria Municipal de Saúde, a partir de 2018, estes exames não permanecem em filas de espera, sendo realizados sob demanda espontânea, sendo assim seus dados não serão incluídos nas informações consolidadas, uma vez que não será possível mensurá-las.Conforme o novo cálculo, o tempo médio de espera para exames prioritários caiu progressivamente, chegando à 39 dias em abril de 2018. A média do 1º semestre de 2018, por sua vez, foi de 40 dias, representando uma redução de 32 dias, quando comparado ao 1º semestre de 2017. Ressalta-se que a meta não se refere ao universo de exames ofertados pelo município, mas apenas aos 7 grupos de exames considerados como prioritários.

janeiro/2018

O valor do indicador dos semestres se refere a uma média dos meses de cada semestre. Em janeiro o tempo médio estava em 81 dias e foi caindo ao longo do ano chegando a 44 dias em dezembro. A média anual fechou em 59 dias, que pode ser tomado como referência para comparação com o valor base publicado.